segunda-feira, 2 de março de 2015

08 de Março dia internacional da mulher



Como ser uma dama cristã? 
A importância da mulher virtuosa
Mulher virtuosa quem a achará? O seu valor muito excede ao de rubis. (Provérbios 31:10)
Aquele que encontra uma esposa, acha o bem, e alcança a benevolência do SENHOR. (Provérbios 18:22)
A mulher virtuosa é a coroa do seu marido, mas a que o envergonha é como podridão nos seus ossos. (Provérbios 12:4)

Teme ao Senhor
Enganosa é a beleza e vã a formosura, mas a mulher que teme ao SENHOR, essa sim será louvada. (Provérbios 31:30)
Não é briguenta e amargurada e reclamona
É melhor morar num canto de telhado do que ter como companheira em casa ampla uma mulher briguenta. (Provérbios 21:9)
É melhor morar numa terra deserta do que com a mulher rixosa e irritadiça. (Provérbios 21:19)
O gotejar contínuo em dia de grande chuva, e a mulher contenciosa, uma e outra são semelhantes; (Provérbios 27:15)
Melhor é morar só num canto de telhado do que com a mulher briguenta numa casa ampla. (Provérbios 25:24)

É construtiva e não destrutiva
Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos. (Provérbios 14:1)

Guarda sua honra
A mulher graciosa guarda a honra como os violentos guardam as riquezas. (Provérbios 11:16)

É discreta
Como jóia de ouro no focinho de uma porca, assim é a mulher formosa que não tem discrição. (Provérbios 11:22)

Não é exibida, sedutora (para os de fora) e ignorante
A mulher louca é alvoroçadora; é simples e nada sabe. (Provérbios 9:13)
Enganosa é a beleza e vã a formosura, mas a mulher que teme ao SENHOR, essa sim será louvada. (Provérbios 31:30)

É prudente
A casa e os bens são herança dos pais; porém do SENHOR vem a esposa prudente. (Provérbios 19:14)

É fiel
O caminho da mulher adúltera é assim: ela come, depois limpa a sua boca e diz: Não fiz nada de mal! (Provérbios 30:20)
Assim, o que adultera com uma mulher é falto de entendimento; aquele que faz isso destrói a sua alma. (Provérbios 6:32)

Satisfaz seu marido
Seja bendito o teu manancial, e alegra-te com a mulher da tua mocidade. (Provérbios 5:18)
Como cerva amorosa, e gazela graciosa, os seus seios te saciem todo o tempo; e pelo seu amor sejas atraído perpetuamente. (Provérbios 5:19)


sábado, 28 de fevereiro de 2015

vem aí...


Vem aí, o 10° Congresso do Grupo de Varões
Nosso tema será
O Senhor é contigo Varão Valoroso
Juízes 6.12 

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Por que tantas pedradas ?




Certa vez, um dos anjos de Deus iniciava mais um dia de trabalho na ajuda aos filhos de Deus que fazem a sua obra na terra, quando ouviu um longo choro vindo de um pequeno campo próximo a um vilarejo.
Aquilo chamou a sua atenção e logo pensou que fosse um dos servos de Deus sofrendo pelas intempéries da vida. Mas ficou surpreso ao descer e ver que quem chorava era um linda e frondosa árvore.
Aproximando-se dela, ele perguntou:

– Por que choras assim tão longamente e de forma tão dolorosa, dona árvore?
– Choro porque mais um dia vai começar, e o meu sofrimento também!
– E o que a faz sofrer, minha amiga? Será, porventura, o calor do sol ou os ventos fortes que estão acontecendo essa semana? Ou mesmo a chuva forte que anda caindo ultimamente?
– Não, “seu” anjo, o sol me faz bem, o vento me alivia o calor e a chuva me alimenta. Nada disso me faz sofrer. O que me faz sofrer são as pessoas.
– Como assim as pessoas? – Questionou o anjo sem entender muito bem os motivos da dona árvore.
– Sim, as pessoas, tanto as grandes quanto as pequenas. Elas jogam pedras em mim o dia inteiro. Dia após dia passo por essa dificuldade. Não aguento mais essa vida!
– Não consigo entender, “seu” anjo! Eu faço de tudo para agradá-las, mas, elas continuam me maltratando. A árvore aí ao lado, ó, não produz nada, e ninguém a maltrata. Mas, eu, que me esforço tanto para produzir frutos deliciosos e bonitos, só levo cacetada. Por que será que todas estas pessoas não gostam de mim? O senhor pode me responder “seu” anjo?
– Ah… então é isso, agora entendi, dona árvore. Você, na verdade, está enganada nas suas conclusões! As crianças e os adultos não te odeiam, pelo contrário, gostam demais de você e dos seus frutos, por isso elas jogam pedras em você: é para pegar os seus frutos.
– Será, “seu” anjo? – Pergunta a dona árvore toda desconfiada.
– Tenho certeza, minha amiga. Preste bem atenção naquilo que vou lhe dizer, pois é sabedoria vinda dos céus, do Todo-Poderoso Deus: “Ninguém joga pedra em árvore que não dá fruto.”
– Compreendeu? – Disso o anjo com um sorriso no rosto.
– Alegre-se minha amiga, se estão jogando pedra em você, é porque você está produzindo alguma coisa boa, algo que chama a atenção das pessoas. Por isso, quando tomar algumas pedradas das pessoas, não fique entristecida, mas alegre-se, pois está fazendo algo de muito útil e que está chamando muita atenção positivamente.


sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015